Início > Américas > Primeiro navio-tanque iraniano atraca em porto da Venezuela; outro já está a caminho (FOTOS)

Primeiro navio-tanque iraniano atraca em porto da Venezuela; outro já está a caminho (FOTOS)


Navio-tanque iraniano Fortune na Venezuela

© Foto / Twitter / Nicolás Maduro

O navio-tanque iraniano Fortune atracou nesta segunda-feira (25) na refinaria de El Palito, a aproximadamente 120 quilômetros ao oeste de Caracas.

O primeiro dos cinco petroleiros iranianos que transportam um carregamento de combustível para abastecer a Venezuela atracou no porto de El Palito, na parte central da costa do país, segundo dados do portal TankerTrackers.

As imagens de satélite mostram o petroleiro atracando na refinaria de El Palito com a ajuda de dois rebocadores venezuelanos.

​O petroleiro iraniano, Fortune, transportando 43 milhões de litros de gasolina em meados de março no Porto de Shahid Rajaee, Irã, atracou na doca 2 da refinaria de El Palito, Venezuela, localizada a oeste da capital Caracas.

“Ao final do Ramadã [o mês santo para os mulçumanos], a chegada do navio Fortune mostra a solidariedade do povo islâmico do Irã com a Venezuela”, assegurou o presidente venezuelano, Nicolás Maduro.

“Em tempos onde o império supremacista pretende impor à força seu domínio, só a irmandade dos povos livres nos salvará”, ressaltou.

Anteriormente, as autoridades costeiras das Forças Armadas da Venezuela (FANB) deram boas-vindas à tripulação do Fortune.

​Ao final do Ramadã, a chegada do navio Fortune mostra a solidariedade do povo islâmico do Irã com a Venezuela. Nos tempos onde o império supremacista pretende impor a força seu domínio, apenas a irmandade dos povos livres nos salvará.

“Em nome de nosso presidente da República Bolivariana da Venezuela, o comandante-chefe das Forças Armadas Nacional Bolivariana, Nicolás Maduro Moros, e de todo o povo venezuelano, agradecemos e apreciamos o apoio recebido pela irmã República Islâmica do Irã”, segundo as autoridades costeiras da FANB. 

O petroleiro Fortune entrou nas águas territoriais da Venezuela durante a noite de sábado (23), sendo escoltado por embarcações e aviões do Exército venezuelano, após ameaças norte-americanas de impedir a chegada dos navios iranianos à costa venezuelana.

​Navio de patrulha naval da Venezuela se encontrou com o petroleiro iraniano, Fortune, para escoltá-lo ao porto. Obrigado.

Além do Fortune, o segundo navio-tanque iraniano, Forest, entrou na Zona Econômica Exclusiva da Venezuela no início deste domingo (24), juntamente com a Marinha venezuelana, já que segundo informações, a embarcação iraniana estava sendo seguida por um navio norte-americano.

Espera-se que outros quatro petroleiros – Forest, Petunia, Faxon e Clavel – cheguem à costa venezuelana nos próximos dias. Os cinco petroleiros transportam um total de 1,53 milhão de barris de gasolina e alquilato à Venezuela.

“Em nome de Nicolás Maduro e de toda a Venezuela saudamos e damos as boas-vindas aos navios da República Islâmica do Irã […] Esta cooperação energética aponta o desenvolvimento integral em benefício dos povos de ambos países”, escreveu Tareck El Aissami, ministro do Petróleo venezuelano.

A Venezuela registra problemas com o abastecimento de gasolina devido às “medidas unilaterais coercitivas” e unilaterais aplicadas pelos EUA, informou o chanceler venezuelano, Jorge Arreaza.




Fonte: © Sputnik

Publicidade

Sobre Geek News

Geek News é uma agência Brasileira que lhe apresenta as principais e mais recentes notícias, notícias urgentes, temas políticos, econômicos e sociais da atualidade.

Veja Também

Presidente dos EUA, Donald Trump, usa celular durante reunião na Casa Branca, em Washington, EUA, 18 de junho de 2020

Trump diz que poderia encontrar Maduro e expressa dúvidas em relação a Guaidó, diz site

© REUTERS / Leah Millis O presidente estadunidense, Donald Trump, falou que poderia encontrar o …

Líder oposicionista venezuelano Juan Guaidó (foto de arquivo)

Guaidó abre embaixada na Bolívia após país romper com Maduro

© AFP 2020 / Cristian Hernandez Equipe de trabalho nomeada pelo líder oposicionista venezuelano Juan …

O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, e mais 6 presidentes sul-americanos assinam a Declaração de Santiago, que marca o início do processo de criação do Fórum para o Progresso da América do Sul (Prosul).

Cooperação na América Latina nos tempos da COVID-19: uma história que nunca começou

© Foto / Marcos Corrêa/PR Sem protocolos de ação padronizados ou coordenação no fechamento de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.